Sociedade | 19-12-2013 13:10

Jantar dos partidos por uma causa solidária juntou 246 pessoas em Santarém

O jantar promovido por quatro dos seis partidos que se candidataram às autárquicas de Setembro último em Santarém juntou à mesa 246 pessoas “por uma causa solidária”, reunindo cerca de 700 euros para três instituições da cidade. Numa noite animada pelas vozes de David Antunes e dos fadistas Maria Teresa Azoia, Joana Costa, Alcides Cepas, Manuel Coelho e Pelarigo, e sem intervenções políticas, o destaque foi para a apresentação das instituições que vão receber a verba recolhida: Lar de Santo António, Lar dos Rapazes e Fundação Luísa Andaluz.“Fomos simplesmente promotores, catalisadores” de uma iniciativa que, além da recolha de fundos, permitiu dar a conhecer melhor à sociedade escalabitana as instituições que acolhem crianças, disse à Lusa Nuno Serra (PSD). “Esta primeira iniciativa correu bem. Esperamos que se torne uma verdadeira tradição”, sublinhou Carlos Nestal (PS).O jantar juntou ainda dirigentes, militantes e simpatizantes do CDS-PP e do movimento independente Mais Santarém, sendo unânime a convicção de que a esta se seguirão outras iniciativas conjuntas, com o mesmo objectivo de ajudar instituições do concelho.Sublinhando que a motivação “foi mesmo por uma causa”, os promotores recusam qualquer outra leitura e esperam que esta acção “inédita” ajude a desfazer uma imagem dos partidos que “nem sempre é a mais positiva”. As instituições apontaram este como um exemplo do que os partidos podem fazer.A iniciativa não contou com a adesão nem da CDU nem do Bloco de Esquerda, tendo este partido justificado a recusa com a indisponibilidade para jantar com dois partidos (PSD e CDS) que têm imposto enormes sacrifícios às pessoas.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo