Sociedade | 23-12-2013 07:29

Sindicato dos Profissionais de Polícia exige pedido de desculpas do presidente de Alhandra

O Sindicato dos Profissionais de Polícia (SPP) acusa o presidente da União de Freguesias de Alhandra, São João dos Montes e Calhandriz de denegrir a imagem da polícia e de proferir declarações “desajustadas da realidade”. O sindicato reagiu assim às declarações de Mário Cantiga a O MIRANTE, nas quais dizia que a polícia só anda nas ruas da freguesia para fazer trabalhos gratificados, e exige um pedido de desculpas. O dirigente sindical António Ramos, que considera a postura do autarca incorrecta, nota que a PSP de Alhandra tem feito várias operações de combate à criminalidade que, “nem sempre”, são do conhecimento público por serem “sigilosas”. Salienta que a esquadra tem disponíveis vários programas para melhorar as condições de segurança da população, como um programa de apoio a idosos, acção social e policiamento de proximidade.NOTÍCIA DESENVOLVIDA NA EDIÇÃO SEMANAL

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo