Sociedade | 28-12-2013 01:12

Conservatório de Música de Ourém e Fátima tem nova extensão em Freixianda

O concerto na Igreja Matriz de Freixianda encerrou, a 14 de Dezembro, o ciclo de concertos de Natal apresentado pelo Conservatório de Música de Ourém e Fátima e inaugurou a nova extensão do Conservatório em Freixianda. A igreja esgotada, com uma plateia que aplaudiu de pé, mostrou que o alargamento do Conservatório a esta freguesia já é uma aposta ganha. O concerto envolveu mais de uma centena de músicos e cantores, alunos e professores do Conservatório. “White Christmas”, “Have Yourself a Merry Little Christmas”, “Angels Carol”, “O Holy Night”, “Natal de Elvas” e “Christmas Magic in the air” foram alguns dos temas interpretados pelo Coro de Câmara (dirigido pelo maestro Noé Vieira Gonçalves), pelos coros juvenis e coros mistos de Ourém e Fátima, pelos solistas Ana Lúcia Filipe, Emanuel Vieira, Anita Clemente e Sara Pedro, acompanhados pela Orquestra de Guitarras (dirigida pelo professor Pedro Rufino) e pela Orquestra Camerata (dirigida pelo professor Bruno Martins). Alexandre Rodrigues, director do Conservatório, agradeceu o acolhimento da freguesia de Freixianda a esta equipa. "A extensão a Freixianda surge do pedido da Associação de Pais de Freixianda e teve o apoio da Câmara Municipal de Ourém e da Junta de Freguesia de Freixianda”, explicou. O objectivo é o desenvolvimento cultural de uma freguesia que se encontra isolada, uma vez que dista 20 quilómetros de Ourém, sede do concelho. A ambição é que esta nova secção do Conservatório de Música de Ourém e Fátima atinja os níveis de profissionalismo das restantes secções de um dos maiores conservatórios de música do país que trabalha, neste momento, para 1100 alunos, com cerca de 60 professores.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo