Sociedade | 04-08-2015 00:11

Utentes contestam horários dos comboios na linha da Azambuja

O Movimento de Utentes dos Serviços Públicos (MUSP) vai entregar esta quarta-feira, 5 de Agosto, à administração da CP (Comboios de Portugal) um abaixo-assinado onde contesta as alterações nos horários dos comboios na Linha da Azambuja. Carlos Braga, porta-voz do MUSP, afirmou que as alterações nos horários na Linha da Azambuja, introduzidas em Junho, que passaram por uma redução da frequência, causaram fortes transtornos aos seus utentes. “Acompanhando as inúmeras manifestações de protesto e indignação de muitos utentes, o MUSP promoveu um abaixo-assinado para ser subscrito por todos aqueles que estão contra tais alterações”, explicou o porta-voz da MUSP.Neste momento, já foram recolhidos “alguns milhares de assinaturas”, que na quarta-feira foram entregues à administração da CP. As linhas ferroviárias de Sintra e da Azambuja tiveram alterações nos horários,a 14 de Junho. Depois de uma reunião com a Câmara de Vila Franca de Xira, que fez chegar à empresa algumas das preocupações dos utentes da linha da Azambuja, foram feitos alguns ajustamentos que entraram em vigor a 19 de Julho.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1376
    07-11-2018
    Capa Vale Tejo