Sociedade | 29-02-2016 16:01

Isaura Morais deixa recados ao Governo na inauguração das Tasquinhas de Rio Maior

Isaura Morais deixa recados ao Governo na inauguração das Tasquinhas de Rio Maior
A presidente da Câmara de Rio Maior aproveitou a presença do secretário de Estado das Autarquias Locais, Carlos Miguel, na inauguração das Tasquinhas 2016, na sexta-feira, 26 de Fevereiro, para deixar alguns recados ao Governo. Isaura Morais gostava de poder contar com a intervenção do secretário de Estado junto do Governo para que "finalmente se concretize um dos projectos prioritários para o concelho que são as obras de requalificação do troço da estrada nacional 114 que liga Rio Maior ao nó da A15”, que serve também a zona Industrial e o parque de negócios. “É um investimento estruturante para o concelho e essencial para a segurança das populações. Apesar das muitas tentativas já efectuadas sem a ajuda do Governo tal não será possível", afirmou a autarca.Isaura Morais defendeu também que o Governo faça alterações à chamada Lei dos Compromissos, que impede as autarquias e outras entidades públicas de contratarem a aquisição de bens ou serviços se não tiverem fundos disponíveis em tesouraria. "Os municípios são por tradição uma mola impulsionadora da economia local e da vida do país e já o provaram, com algumas excepções, que sabem gerir escrupulosamente os fundos à sua disposição. Sendo assim, gostaria que o Governo reformulasse alguma da legislação que limita a autonomia do poder local e a capacidade de gestão para podermos gerir eficazmente os nossos recursos e os nossos territórios", disse.Os recados ficaram sem resposta por parte de Carlos Miguel, mas confrontado por O MIRANTE o secretário de Estado disse que aquelas questões não faziam parte da sua área de intervenção. Mas garantiu que ia fazer todos os esforços para a mensagem chegar ao Governo.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo