Sociedade | 04-03-2016 13:49

Extensão da Junta de Santo Estêvão em Foros de Almada

A Junta de Freguesia de Santo Estevão, concelho de Benavente, inaugurou uma extensão dos seus serviços em Foros de Almada. A decisão do executivo teve por base o envelhecimento geral da população, o isolamento e a falta de um serviço de transportes públicos permanente. Para o presidente da autarquia, Nelson Norte, a iniciativa vai ter impacto na melhoria das condições da localidade. "Sem dúvida que nos vai facilitar no apoio à população e irá proporcionar-lhes uma série de benefícios no dia-a-dia e no tratamento de questões burocráticas. " afirma. O horário da extensão, que vai funcionar na escola, fechada desde 2012, será igual ao da Secretaria da Junta de Freguesia, (9h00 às 12h30 e das 14h00 às 17h30) e, nesta fase inicial, contará com uma funcionária a tempo inteiro."Esta extensão terá disponível os mesmos serviços que a Secretaria da Junta de Freguesia. Aqui será possível tratar de atestados, licenciamento de canídeos e tudo o mais que for da competência da Junta. Terá também um Espaço Internet e uma zona de leitura com alguns livros, jornais e revistas. Em parceria com a Universidade Sénior do concelho de Benavente, será possível disponibilizar as disciplinas de trabalhos manuais, informática e culinária. Também assim pretende-se demonstrar que o envelhecimento saudável é possível e, ao mesmo tempo, tentar combater o isolamento a que os idosos desta localidade estão sujeitos. Outro serviço, igualmente importante, será desempenhado em conjunto com a Farmácia Almansor e visa facilitar o acesso à medicação, uma vez que esta farmácia - única da freguesia - situa-se em Santo Estêvão. Este serviço consiste numa requisição prévia dos medicamentos nesta extensão e no seu levantamento dentro de um período de tempo reduzido." explica Nelson Norte. O Presidente da Junta de Freguesia de Santo Estêvão lembra que as foram feitas com o apoio da Câmara Municipal de Benavente, que conhece bem os problemas locais e que cedeu os materiais. "Este foi um processo moroso mas que felizmente se conseguiu levar a bom porto e que pensamos vir a ser óptimo para todos, mas em especial para a população de Foros de Almada", refere.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Médio Tejo