Sociedade | 11-03-2016 00:03

Andam a eliminar as passadeiras na EN 3 no concelho de Santarém

Várias passagens para peões, vulgarmente conhecidas como passadeiras, que estavam implantadas fora das localidades no troço da Estrada Nacional (EN) 3 entre Casével e Santarém foram suprimidas pela Infraestruturas de Portugal, empresa pública que tutela as estradas nacionais. Uma medida que causa alguma estranheza, até porque em nada contribuirá para a segurança rodoviária.O MIRANTE contactou o gabinete de comunicação da Infraestruturas de Portugal no sentido de saber quais as razões que levaram à supressão das passadeiras. Até ao fecho desta edição, não recebemos qualquer resposta sobre o assunto, ficando por saber se esta medida está a ser aplicada noutros pontos do concelho e da região e com que finalidade.O presidente da União de Freguesias de Casével e Vaqueiros, Carlos Trigo (PSD), estranha esta solução, dizendo mesmo que "é muito arriscado deixar as pessoas entregues à sua sorte" para atravessar a movimentada estrada nacional que atravessa o Ribatejo de norte a sul. O autarca não sabe se essa situação está a ocorrer noutros troços da via, mas entre Santarém e Casével, ao longo de cerca de 25 quilómetros, foram muitas as passadeiras que desapareceram.* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo