Sociedade | 01-11-2016 12:04

Musealização dos antigos paços do concelho de Ourém

Requalificação custou cerca de 800 mil euros.

O antigo edifício dos paços do concelho de Ourém já reabriu à população após as obras de que foi alvo. Encerrado nos últimos anos, depois da passagem dos serviços municipais para o edifício actual, a estrutura passou por uma requalificação que custou cerca de 800 mil euros e contou com o apoio financeiro do Mais Centro (Programa Operacional Regional do Centro).

Destinado a acolher os serviços de cultura do município, o edifício contempla ainda um espaço museológico, com abertura prevista para 2017, ano de comemoração do Centenário das Aparições de Fátima.

"Esta pode ser uma rota complementar a Fátima", referiu o presidente da Câmara de Ourém, Paulo Fonseca (PS), garantindo que nesse âmbito se inclui também uma carta escrita pela Irmã Lúcia a relatar a passagem dos videntes pela prisão.

O autarca referiu ainda, em nota de imprensa, que a criação do núcleo museológico em Ourém é uma "estratégia cultural, social, institucional, mas também turística e económica", de forma a criar na sede de concelho uma ligação com o turismo de Fátima.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1356
    20-06-2018
    Capa Médio Tejo