Sociedade | 20-11-2016 14:03

Vereador preocupado com acervo documental da Câmara do Cartaxo

Vereador preocupado com acervo documental da Câmara do Cartaxo
CRITICAS

Vasco Cunha considera que arquivo documental não está guardado nas melhores condições.

O vereador Vasco Cunha (PSD) considera que o arquivo documental da Câmara Municipal do Cartaxo não está guardado nas melhores condições. O autarca confirmou o que desconfiava depois de uma visita feita às antigas instalações da Polícia de Segurança Pública e às piscinas municipais.

A visita contou também com a presença dos vereadores do movimento Paulo Varanda - Movimento Pelo Cartaxo, Nuno Nogueira e Élia Figueiredo, acompanhados pelo adjunto do presidente da câmara, Carlos Cláudio, uma vez que Pedro Ribeiro não pôde estar presente

"Fomos à Quinta das Pratas visitar o armazém (nas catacumbas das piscinas cobertas) onde a Câmara do Cartaxo tem depositada a documentação do funcionamento do município. Aí se encontram, por exemplo, dossiês, livros de registo, maços de folhas e caixotes com papel. Datados pelo menos dos anos 50 do século passado e até ao ano de 2002. Confirmamos que os documentos estão arrumados mas não estão organizados. Não há nenhum critério ou regras para a organização deste depósito. Falta constituir um Arquivo Municipal que organize e classifique todo este espólio e falta, nesse contexto, um Arquivo Histórico Municipal que possa assegurar a gestão da documentação e a salvaguarda dos arquivos", referiu Vasco Cunha após a visita.

* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo