Sociedade | 30-11-2016 00:39

Imitação de arma de guerra encontrada no cemitério de Fazendas de Almeirim

Imitação de arma de guerra encontrada no cemitério de Fazendas de Almeirim
INSÓLITO

G3 feita em porcelana tem o tamanho e todos os pormenores de uma verdadeira.

A arma de guerra assustou quem caminhava num dos corredores entre campas no cemitério de Fazendas de Almeirim. As pessoas que iam colocar flores numa campa viram a arma no chão ficaram em choque e não lhe tocaram com medo, ligando de imediato para o posto da GNR de Almeirim a dar conta de que tinham encontrado uma espingarda no cemitério.

Uma patrulha deslocou-se ao local e verificou que afinal se tratava de uma réplica que a uns metros passava bem por verdadeira.

Os militares da Guarda ao aproximarem-se também ficaram a pensar tratar-se de uma verdadeira espingarda automática de assalto G3, conhecida por equipar o Exército português e ter sido usada na guerra colonial.

Mas ao agarrarem na espingarda viram logo que afinal era uma arma feita em porcelana com todos os pormenores de uma verdadeira, em que não faltava o carregador igualzinho ao verdadeiro, as patilhas de segurança e até os parafusos são da mesma dimensão e formato dos da verdadeira arma.

* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo