Sociedade | 15-01-2017 20:29

Câmara de Rio Maior quer encerrar lavandaria por causa do ruído

Ensaio acústico detectou valores acima dos permitidos legalmente.

A Câmara de Rio Maior vai notificar a empresa que explora uma lavandaria self service na cidade para suspender a actividade “de forma a evitar a produção de danos para a saúde humana e para o bem-estar das populações em resultado da actividade ruidosa”. Essa medida cautelar, aprovada por unanimidade pelo executivo camarário na sua última reunião, resulta do Relatório de Ensaio Acústico elaborado pela empresa que efectuou testes ao ruído no local em Dezembro passado.


A lavandaria WashRio situa-se no rés-do-chão de um prédio de habitação da Avenida Marechal Humberto Delgado, no centro da cidade, e o seu funcionamento tem sido objecto de reclamações por parte de moradores de um apartamento que se situa por cima. A empresa vai ter agora um prazo de cinco dias úteis para se pronunciar após receber a notificação com a decisão da autarquia, seguindo-se a deliberação definitiva do executivo camarário. Mas, ao que tudo indica, o estabelecimento vai mesmo encerrar.

Notícia desenvolvida na próxima edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Edição Vale Tejo