uma parceria com o Jornal Expresso
22/08/2017
30 anos do jornal o Mirante
Assine O Mirante e receba o jornal em casa
Sociedade | 15-03-2017 14:05

Júnior do Atalaiense queixa-se de ter sido agredido por segurança

Caso passou-se no final de um jogo de futebol contra o Cartaxo realizado em Vila Nova de São Pedro.

Um jogador da equipa de juniores da União Desportiva Atalaiense (UDA), de 18 anos, queixou-se à GNR de ter sido agredido por um homem que fazia segurança ao jogo da sua equipa contra o Sport Lisboa e Cartaxo que se realizou em Vila Nova de São Pedro, Azambuja.

“O jogo decorreu normalmente”, conta o treinador do Atalaiense, Nuno Batista, a O MIRANTE e nada fazia prever aquele desfecho que “podia dar origem a uma grande confusão”, acrescenta o treinador.

“Quando o jogo acabou vi toda a gente a correr para o banco do Cartaxo e é quando reparo que o Rodrigo estava deitado no chão. Fui ter com ele e foi quando ele me disse que lhe tinham dado um murro e lhe tinham apertado o pescoço”, explica Nuno Batista.

"O agressor com cerca de 50 anos estava na linha lateral e entrou no campo e agrediu o miúdo. Perguntei-lhe o que se tinha passado e ele pediu desculpa e disse que se tinha passado da cabeça e não devia ter feito o que fez. Ele até pediu desculpa ao Rodrigo", afirma o treinador.

O avô de Rodrigo Lourenço não aceitou as desculpas e pediu ao treinador que chamasse a GNR que identificou o agressor. Rodrigo foi assistido no Hospital de Santarém. Fez exames complementares, um raio X à cervical e às costelas. A família de Rodrigo Lourenço já apresentou queixa e vai avançar com um processo em tribunal.

O jogo referente à 18º Jornada do Campeonato de Juniores da 1ª Divisão da Associação de Futebol de Santarém (AFS), decorreu no sábado, 11 de Março, no campo do Vilanovense, em Vila Nova de São Pedro, concelho de Azambuja e acabou com a vitória por um 1-0 do Sport Lisboa e Cartaxo.

Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1312
    16-08-2017
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1312
    16-08-2017
    Capa Médio Tejo