Sociedade | 04-04-2017 00:01

Paulo Fonseca diz-se tranquilo com o pedido de perda de mandato

Paulo Fonseca diz-se tranquilo com o pedido de perda de mandato
OURÉM

O presidente da Câmara de Ourém, Paulo Fonseca (PS), disse esta segunda-feira, 3 de Abril, estar "absolutamente tranquilo" em relação ao pedido pelo Ministério Público de perda de mandato, num processo em que o autarca é acusado de peculato e falsificação de documentos.

"Do ponto de vista teórico trata-se de um assunto que está em segredo de justiça. Quem sabe desse assunto são as partes. Soube disso por intermédio de uma figura conhecida do concelho que o pôs no facebook, dois dias antes da publicação de um jornal. Podem daí tirar todas as conclusões", referiu Paulo Fonseca, num encontro com jornalistas.

O autarca é acusado, juntamente com mais quatro arguidos, de peculato e falsificação de documentos, num caso em que terá sido congeminado um plano, em 2011, para pagar parte do salário ao então treinador de futsal do Grupo da Freixianda através da empresa municipal OurémViva.

* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo