Sociedade | 10-04-2017 11:02

Árbitro agredido por adepto no final de jogo de futebol em Fátima

Árbitro agredido por adepto no final de jogo de futebol em Fátima

Presidente do CD Fátima, padre António Pereira (na foto), lamenta o sucedido e pediu de imediato desculpas ao árbitro por esse “caso pontual”.

Um adepto do Centro Desportivo de Fátima foi identificado pela GNR na tarde deste domingo, 9 de Abril, após o jogo entre esse clube e o Torreense para o Campeonato de Portugal, por ter entrado em campo no final do desafio e empurrado o árbitro António Moreira, que acabou estatelado no relvado.

O caso foi confirmado ao nosso jornal pelo presidente do CD Fátima, padre António Pereira, que lamenta o sucedido e apresentou de imediato desculpas ao árbitro por esse “caso pontual”, referindo que essa não é a forma de o clube estar no futebol.

O jogo, que o Torreense venceu por 3-2, acabou num ambiente de forte contestação por parte dos adeptos locais, após o árbitro ter marcado duas grandes penalidades contra o Fátima e expulsado um jogador com vermelho directo já no final da partida, sem que se tenha percebido a razão. Após o apito final, alguns adeptos do Torreense invadiram o relvado para festejar e com eles entraram no recinto dois adeptos da equipa da casa, tendo um deles empurrado o árbitro.

“A situação ultrapassou-nos por completo”, declara o presidente do Fátima, referindo que nesse mesmo dia enviou uma exposição à APAF (Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol) a lamentar os acontecimentos e pedindo desculpas. António Pereira diz que o elemento identificado pela GNR, de nacionalidade tunisina, não tem qualquer ligação ao CD Fátima.

Polémicas à parte, o CD Fátima continua em primeiro lugar da zona sul da fase de subida, que dá acesso à II Liga, mas o presidente do CD Fátima diz que a equipa se encontra “cada vez mais desfalcada” por castigos e lesões e teme que as coisas comecem a correr mal para as aspirações do clube, que tenta o regresso às comeptições de futebol profissional. O Fátima tem 16 pontos, mais um do que Praiense e Real e mais dois do que o Torreense.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo