Sociedade | 18-04-2017 00:01

Aldeia do Escaroupim finalista das 7 Maravilhas de Portugal

Escaroupim é uma aldeia piscatória formada em meados dos anos 1930 por pescadores oriundos da Praia da Vieira (Marinha Grande).

A aldeia do Escaroupim, no concelho de Salvaterra de Magos, está entre as 49 pré-finalistas do concurso “7 Maravilhas de Portugal – Aldeias”, na categoria Aldeias Ribeirinhas, refere o município em nota de imprensa.

O Escaroupim é uma aldeia piscatória formada em meados dos anos 1930 por pescadores oriundos da Praia da Vieira (Marinha Grande), que “sazonalmente vinham ao Tejo fazer as campanhas de pesca de Inverno, procurando o sustento para as suas numerosas famílias” e que “foram ficando” formando pequenas povoações piscatórias ao longo do rio, acrescenta.

O município recriou na aldeia uma Casa Típica Avieira e inaugurou recentemente o museu “Escaroupim e o Rio”, espaços a que alia passeios de barco no rio Tejo, observação de aves, um parque de merendas, um restaurante panorâmico e um miradouro natural. Argumentos que espera decisivos na votação que os portugueses farão no âmbito do concurso.

Mais Notícias

    A carregar...
    Para celebrar o 38º aniversário do Serviço Nacional de Saúde (SNS)
    Foto do Dia
    Para celebrar o 38º aniversário do Serviço Nacional de Saúde (SNS), que se comemorou a 15 de Setembro, o Centro Hospitalar do Medio Tejo promoveu rastreios à população em Torres Novas e Abrantes e realizou também um workshop em Tomar sobre alimentação saudável. Em Abrantes e Tomar as actividades realizaram-se no Mercado Municipal, enquanto que em Torres Novas decorreram na Praça 5 de Outubro.
    Foto do Dia | 21-09-2017

    Edição Semanal

    Edição nº 1317
    21-09-2017
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1317
    20-09-2017
    Capa Médio Tejo