Sociedade | 19-05-2017 00:01

Ampliação da escola de Asseiceira com percalço no concurso

Câmara de Rio Maior obrigada a adjudicar obra pela segunda vez.

A empresa que venceu o concurso para ampliação e requalificação da escola primária de Asseiceira, no concelho de Rio Maior, não assumiu a empreitada, o que obrigou o município a adjudicar a obra à empresa que ficou em segundo lugar. Esse imprevisto vem atrasar o processo, embora a autarquia acredite que a empreitada poderá estar concluída a tempo da abertura do próximo ano lectivo, em Setembro.

A obra tinha sido adjudicada inicialmente à empresa José & Augusto – Empreiteiros de Construção Civil, Lda., que posteriormente não apresentou a documentação exigida pela autarquia no prazo estabelecido (3 de Maio) nem fez qualquer observação após ter sido notificada para se pronunciar.

O executivo camarário deliberou na sua última reunião declarar a caducidade da anterior adjudicação e adjudicar a obra à empresa Gil Azoia – Construções, Lda., pelo valor de 262.749,90 euros, acrescidos de IVA à taxa legal em vigor. A empresa tem dez dias para apresentar os documentos de habilitação exigidos e pagar uma caução no valor de 13.137 euros.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1325
    15-11-2017
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1325
    15-11-2017
    Capa Vale Tejo