Sociedade | 24-05-2017 19:40

Câmara do Entroncamento notificada para devolver apoios comunitários

Inspecção de Finanças detectou irregularidades em obra visada pelo Tribunal de Contas.

A Câmara Municipal do Entroncamento foi notificada pela Inspecção-Geral de Finanças para devolver 932.000 euros das obras na escola básica Ruy d’Andrade, devido a “irregularidades” no concurso público realizado em 2012. O anúncio foi feito através de um comunicado enviado pelo presidente da câmara, Jorge Faria (PS) a alguns órgãos de comunicação social.

Contactado por O MIRANTE, o anterior presidente da Câmara, Jaime Ramos (PSD), que anunciou publicamente a decisão de se voltar a candidatar ao cargo no dia 7 de Maio, disse que só poderá comentar de forma fundamentada o assunto quando o presidente da câmara disponibilizar todo o processo, conforme lhe foi já solicitado, nomeadamente as alegações que ele fez em defesa do município.

Jaime Ramos lembra que todas as deliberações relativas ao concurso para a nova Escola Ruy de Andrade foram aprovadas por unanimidade pelo executivo municipal a que presidia; que a obra foi aprovada pela CCDR e que o contrato foi visado pelo Tribunal de Contas.

* Notícia completa na edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1326
    22-11-2017
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1326
    22-11-2017
    Capa Vale Tejo