Sociedade | 06-07-2017 16:00

Verdes defendem isenção de taxas moderadoras para vítimas de legionella

“Para o PEV trata-se de minimizar, de alguma forma, as consequências bastante negativas que abrangeram tantos vilafranquenses”,

O grupo parlamentar do Partido Ecologista "Os Verdes" (PEV) entregou na Assembleia da República uma recomendação para que o Governo isente do pagamento de taxas moderadoras as vítimas do surto de legionella, ocorrido em Novembro de 2014 no concelho de Vila Franca de Xira.


Recorde-se que o concelho de Vila Franca de Xira foi afectado por um surto de 'legionella' que afectou sobretudo as freguesias de Vialonga, Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa, causando 12 mortes e infectando 375 pessoas.
Em comunicado, “os Verdes” defendem que, “no mínimo dos mínimos”, o Governo “deve assegurar que as vítimas de legionella não suportem “os encargos com os cuidados de saúde que decorrem da necessidade de acompanhamento da doença”.


“Para o PEV trata-se de minimizar, de alguma forma, as consequências bastante negativas que abrangeram tantos vilafranquenses”, explicam.
O surto, o terceiro com mais casos em todo o mundo, teve início a 7 de Novembro de 2014 e foi controlado em duas semanas. Na altura, o então ministro da Saúde, Paulo Macedo, realçou a resposta dos hospitais, que "trataram mais de 300 pneumonias".

Mais Notícias

    A carregar...
    Dançarinas ribatejanas entre as melhores da Europa
    Foto do Dia
    As atletas do Coreo Dance Project, de Benavente, e da ODAC - Oficina de Artes de Coruche alcançaram o quarto lugar na grande final europeia de dança, realizada no Palácio de Congressos de Paris. As atletas têm entre os 7 e os 24 anos e para a responsável do grupo, Marta Salsinha, foi “uma experiência incrível” poder competir com os maiores e melhores bailarinos e coreógrafos da Europa. Uma prestação que deixa orgulhosos os atletas mas também as localidades de Benavente e Coruche. Na comitiva, além dos 25 bailarinos, seguiram também pais e amigos dos atletas. Entretanto, Marta Salsinha está entre os oito nomeados para a categoria de melhor coreógrafo de estilo livre e contemporâneo de 2017, nos Prémios Internacionais Duende que distinguem o que de melhor se faz na dança em Portugal, Espanha, Gibraltar e França.
    Foto do Dia | 24-09-2017

    Edição Semanal

    Edição nº 1317
    21-09-2017
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1317
    20-09-2017
    Capa Médio Tejo