Sociedade | 03-08-2017 00:23

As bolas de futebol no meio das couves e dos nabos

As bolas de futebol no meio das couves e dos nabos
PROBLEMA

Hortelãos queixam-se também de roubos de vegetais a coberto da noite.

Vários utilizadores das hortas urbanas de Vialonga, concelho de Vila Franca de Xira, estão incomodados com a proximidade de um campo polidesportivo descoberto e reclamam mais protecção das suas culturas. Em causa está o facto das redes do polidesportivo serem demasiado baixas e permitirem que as bolas usadas durante os jogos aterrem com frequência dentro das hortas vizinhas.


“Não apenas isso como depois os miúdos para as virem buscar destroem tudo com os pés, entram e saem quando querem, isto fica uma porcaria, é uma chatice. Dá vontade de deixar isto”, lamenta Fernando Dias, familiar de um utilizador de uma das hortas a O MIRANTE.
Alguns utilizadores têm-se queixado também dos roubos durante a noite. “Esse é outro dos problemas, quando se começa a ter qualquer coisa já visível de um momento para o outro levam tudo e ficamos a ver navios”, lamenta. O hortelão elogia o projecto e o esforço da câmara, mas lamenta a falta de civismo. “Não há nada que se aguente aqui com algumas pessoas assim”, lamenta.


O assunto foi também levado a uma das últimas reuniões públicas da Câmara de Vila Franca de Xira por Ana Lídia Cardoso, vereadora da CDU e residente em Vialonga. “Sei que depois de algumas queixas elevaram um pouco a rede para tentar minimizar a saída de bolas para as hortas mas elas continuam a entrar. Temos recebido bastantes queixas sobre isto e há mesmo pessoas a pensar desistir de terem ali as hortas porque não conseguem ter nada semeado em bom estado”, alertou. A eleita avançou também com a ideia de que todo o polidesportivo seja coberto com uma rede, incluindo no topo. “É a melhor maneira de se acabar com este problema”, vincou.


A ideia agradou ao presidente do município, Alberto Mesquita (PS), que disse compreender os problemas dos hortelãos e informou que já foi dada ordem para que se coloque a caixa de rede à volta do polidesportivo.


As hortas de Vialonga foram entregues aos moradores da freguesia em Fevereiro deste ano, depois de um investimento de 150 mil euros que contemplou, além dos lotes, um passeio público, caminhos internos de circulação e mobiliário urbano. 80 pessoas candidataram-se aos lotes mas apenas foram entregues 41, número proporcional à quantidade de hortas existentes.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo