Sociedade | 21-08-2017 21:50

"Se não tirarem o traço contínuo cortamos a estrada"

"Se não tirarem o traço contínuo cortamos a estrada"

Moradores de Vialonga ameaçam cortar a circulação ao trânsito se o traço na Estrada da Alfarrobeira não voltar a ficar descontínuo.

Alguns moradores da Rua de São Jorge, em Vialonga, queixaram-se a O MIRANTE da mais recente obra da câmara municipal de Vila Franca de Xira: a substituição do traço descontínuo por contínuo na Estrada da Alfarrobeira que transformou o acesso à Rua de S. Jorge numa infracção à lei.

“Moro aqui há 34 anos e este traço foi sempre descontínuo! Não faz sentido nenhum termos de ir fazer cinco quilómetros, dois e meio para um lado e depois dois e meio outra vez para trás, para conseguirmos entrar na rua da nossa casa!”, acusou Maria João Rogeiro, uma das moradoras, que até já apresentou um pedido de esclarecimento formal por email para a Câmara de VFX. No seu caso e do marido Pedro é apenas o acesso à habitação que fica em risco, mas no dos restantes residentes da Rua de S. Jorge, são os negócios os mais lesados: “Os meus filhos têm a empresa de construção civil ali em cima e os camiões que precisem de vir descarregar as paletes e fazer negócio vão passar a dizer que preferem ir comprar material a outro lado para não terem de fazer este caminho todo a mais de um lado para o outro!”, alertou Maria de Fátima Lemos, outra das moradoras da rua.

*Reportagem completa na próxima edição semanal de O MIRANTE.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1368
    12-09-2018
    Capa Médio Tejo