Sociedade | 04-09-2017

Tradição cumpriu-se com a bênção dos barcos avieiros

Este ano a cerimónia foi a que contou com o menor número de barcos e de famílias avieiras presentes.

O bom tempo ajudou à bênção dos barcos avieiros no sábado, 2 de Setembro. A tradição voltou a cumprir-se este ano, integrada no calendário das Festas da Póvoa de Santa Iria, com a Nossa Senhora dos Avieiros a ser levada de barco ao longo do rio Tejo, por entre os barcos avieiros que nele estavam alinhados, com o padre a benzê-los e às famílias que os comandam enquanto passava por eles.

Nas margens, a assistir à cerimónia, estiveram centenas de povoenses e residentes de outras freguesias do concelho e até de fora dele, como foi o caso de alguns estrangeiros que souberam da iniciativa e quiseram assistir.

Este ano a cerimónia foi a que contou com o menor número de barcos e de famílias avieiras presentes porque nos últimos três meses morreu um grande número de elementos da comunidade. Em sinal de respeito, os familiares não subiram a bordo nem participaram na bênção, e também a Marcha dos Avieiros não desfila nas festas da Póvoa nem participa nos restantes eventos que já tinha agendados.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1326
    22-11-2017
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1326
    22-11-2017
    Capa Vale Tejo