Sociedade | 31-10-2017 18:31

Cão da Ministra do Mar continua desaparecido

Cão da Ministra do Mar continua desaparecido

O animal desapareceu a 30 de Setembro, de sua casa em Casal da Charneca, Almoster.

Ana Paula Vitorino, a ministra do Mar do Governo de António Costa,continua à procura do seu cão, 'Kiko', um mês depois do seu desaparecimento. Depois do apelo público que Ana Paula Vitorino fez na sua página pessoal da rede social Facebook, e das notícias da imprensa, foram recebidas algumas chamadas relacionadas com o caso mas todas elas geraram expectativas infundadas.

Ana Paula Coelho, adjunta do secretário de Estado das Pescas, e amiga de Ana Paula Vitorino, conta que a pista mais recente que receberam foi na sexta-feira, 27 de Outubro, no Cartaxo, de um cão parecido com o 'Kiko'. “Ligámos à Associação de Protecção dos Animais Abandonados do Cartaxo (APAAC) e foram, de imediato, buscar o cão que nem chip tinha”, esclareceu.

Ana Paula Vitorino ainda não perdeu a esperança de encontrar o seu cão e os apelos continuam a ser feitos nas redes sociais. “Temos contactado com todos os canis, associações de animais a veterinários. Continuamos a apelar para que todos ajudem a encontrar o 'Kiko'”, refere a ministra do Mar.

Na página de Facebook diz que o Kiko é um“cão sem raça definida”, usa coleira e tem o pêlo às manchas brancas e amarelas. Revela ainda que 'Kiko' apareceu em sua casa com cerca de três semanas de vida e menos de 20 centímetros, “tendo sobrevivido bebendo água das bases dos vasos”.

Recorde-se que o cão da ministra do Mar desapareceu pelas 12h00 de sábado, 30 de Setembro, de sua casa em Casal da Charneca, Almoster, concelho de Santarém, onde reside com o marido, o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1363
    08-08-2018
    Capa Vale Tejo