Sociedade | 20-11-2017 13:04

Exposição “Outros Olhares sobre a Grande Guerra”

Exposição “Outros Olhares sobre a Grande Guerra”

Sair da caixa e mostrar outras perspectivas sobre o conflito é o objectivo da exposição.

Sabem-se números e factos crus sobre a 1ª Guerra Mundial: quem ganhou, quem perdeu, quantas vidas se foram e as represálias geopolíticas que o conflito causou, mas esquece-se um factor importante: o lado humano. O que sentiram os homens que foram enviados para os campos de batalha? O que era estar nas trincheiras? Como foi a desorientação de quem não passou de marionetas nas mãos do poder e dos impérios? O que foi das mulheres, dos jovens e dos velhos que ficaram no país quando os jovens tiveram de partir para a guerra?

São estas e muitas outras questões, perspectivas que fogem aos dados simples que constam em manuais escolares e livros históricos, que a exposição “Outros Olhares sobre a Grande Guerra” pretende desvendar, bem como louvar todos os combatentes portugueses, tantas vezes anónimos, vários do concelho de Vila Franca de Xira, que têm agora os seus nomes gravados num memorial ao centro da exposição.

Inaugurada este sábado, 18 de Novembro, a exposição, cuja curadoria ficou a cargo de Cláudia Camacho, estará aberta ao público no Celeiro da Patriarcal, em Vila Franca de Xira, até 18 de Fevereiro do próximo ano, encerrando o ciclo de iniciativas, espectáculos e momentos que a Câmara Municipal tem vindo a desenvolver desde 2013 para marcar o centenário da 1ª Guerra Mundial.

*Reportagem completa na edição em papel de O MIRANTE

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo