Sociedade | 16-12-2017 20:53

Pai Natal chegou de mota a Alverca

Pai Natal chegou de mota a Alverca

Habitantes de Alverca já sabem que todos os anos o Pai Natal coloca o trenó de lado e percorre a cidade de mota.

Os habitantes de Alverca já sabem que todos os anos o Pai Natal coloca o trenó de lado e percorre a cidade de mota. É uma tradição com mais de uma década que levou cerca de 30 motards do Moto Clube de Alverca a percorrerem as ruas da cidade, no sábado, dia 16 de Dezembro, vestidos de Pai Natal. Neste desfile as renas são substituídas pelos cavalos dos motores, o barrete vermelho é usado por cima do capacete, e os presentes chegam na bagageira das motos e não no trenó.

Durante uma tarde inteira, os Pais Natais visitaram as instituições sociais da cidade para entregar um presente e conversar um bocadinho com aqueles que mais precisam. O CEBI, a Misericórdia de Alverca, a Casa de Repouso da Senhora da Graça, a Casa de S. Pedro e a CERCI Tejo foram paragens obrigatórias desta coluna solidária. Todos os utentes tiveram direito a uma prenda: brinquedos para as crianças, meias e lenços para os mais velhos. Para os mais corajosos também havia a possibilidade de um passeio de moto com um dos Pais Natal.

A O MIRANTE, Carlos Ribeiro, presidente do Moto Clube, explicou que a iniciativa surgiu pela primeira vez em 2001 com os objectivos de “desmistificar um pouco o estereótipo que há do motard” e de “ajudar as instituições solidárias da nossa terra.”. As prendas são obtidas através de patrocínios ou compradas com os fundos da associação. “São coisas simbólicas, mas que ajudam a alegrar todos os que visitamos”, concluiu.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo