Sociedade | 08-01-2018 16:49

Prisão preventiva para procurado por disparar contra GNR de Almeirim

Prisão preventiva para procurado por disparar contra GNR de Almeirim
GNR a chegar com o detido ao tribunal

Suspeito foi detido ano e meio após andar escondido das autoridade

O homem procurado há ano e meio por ser suspeito de ter disparado contra uma patrulha da GNR de Almeirim, ficou em prisão preventiva a aguardar julgamento. A medida de coação foi aplicada na tarde desta segunda-feira pelo juiz do Tribunal de Almeirim, onde foi ouvido em primeiro interrogatório.

O suspeito, de 45 anos, foi detido na posse de droga na noite de domingo, 7 de Janeiro, tendo ficado nas celas de detenção do posto de Almeirim, até ser presente a tribunal na manhã desta segunda-feira.

O homem, recorde-se fez com que em 29 de Julho do ano passado fossem mobilizados dezenas de militares da GNR numa caça ao homem por vários terrenos da freguesia da Raposa. Na altura o suspeito encontrava-se num café desta freguesia do concelho de Almeirim, quando a GNR deslocou-se ao local para o deter por suspeita de tráfico de droga. Ao aperceber-se da intenção dos militares para o deterem, o homem disparou contra a patrulha e fugiu para dentro de uns arrozais.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1355
    13-06-2018
    Capa Médio Tejo