Sociedade | 09-02-2018 20:37

Marinhais sem desfile de Carnaval por falta de pavilhão

Marinhais sem desfile de Carnaval por falta de pavilhão
Foto O MIRANTE

Esta é a primeira em 12 anos que não vai haver corso carnavalesco.

O corso que animava as ruas de Marinhais no Carnaval não se vai realizar este ano. A razão passa pela falta de um pavilhão para a construção dos carros alegóricos.

Segundo Luís Cardoso, presidente do Rancho Folclórico “Os Lusitanos” de Marinhais, as primeiras vezes que se começaram a organizar os desfiles carnavalescos, iam-se construindo os carros em pavilhões emprestados, mas nos últimos dois anos foi debaixo de um telheiro sem quaisquer condições. “Nós forrávamos os carros com papel de alumínio, vinha o vento e a chuva e estragava-se tudo”, conta.


Luís Cardoso admite que enquanto não cederem um pavilhão, não haverá desfile de Carnaval em Marinhais o que diz ser uma pena, pois é algo que já está enraizado na população. “Esta é a primeira em 12 anos que não organizamos o desfile e estamos bastante tristes com a situação”, adianta, dizendo que já o ano passado realizaram quase o impensável, fazendo os carros alegóricos num mês ao relento. Foi por isso, explica, que tivemos menos carros no desfile e fizemos um percurso mais curto com menos um quilómetro.


As primeiras manifestações do Carnaval em Marinhais começaram por ser espontâneas com as famílias a brincarem ao entrudo. O primeiro desfile organizado por um grupo de populares de Marinhais ocorreu em 2005 onde não faltou os carros alegóricos e um rei e uma rainha.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo