Sociedade | 22-05-2018 13:13

Moradores de rua em São Domingos querem contentor do lixo mais perto de casa

Moradores de rua em São Domingos querem contentor do lixo mais perto de casa
Foto O MIRANTE

Câmara de Santarém eliminou espaço destinado à colocação de contentor e contestação fez-se ouvir.

A Câmara de Santarém eliminou na sexta-feira, 18 de Maio, o espaço que estava destinado à instalação de um contentor do lixo na Rua Primeiro de Maio, junto ao condomínio da Quinta das Fontaínhas, em São Domingos (Santarém). De acordo com o presidente da União de Freguesias de Santarém, Carlos Marçal (PSD), a decisão de retirar o espaço para o contentor e colocar lá passeio foi tomada por haver dois contentores do lixo do lado das moradias, a cerca de 100 metros, tanto no sentido São Domingos – Fontaínhas como no sentido inverso.


Fernando Neves é um dos contestatários. A residir naquela zona há 50 anos, o morador diz não entender a decisão da autarquia. Primeiro, explica, depois de estar lá durante 13 anos, retiraram há três anos o contentor do lixo daquele espaço e colocaram um balde junto às moradias. Entretanto, retiraram-no há um mês atrás e agora decidiram acabar com o espaço do antigo contentor do lixo.


“Como é que a população mais idosa que habita neste local vai até aos contentores do lixo mais próximos com as dificuldades que têm em andar?”, questiona Fernando Neves, apontando para os dois contentores mais próximos: um que fica junto à rotunda do hipermercado Pingo Doce e o outro que obriga a subiraté à rotunda de ligação com a Rua da Esperança (que liga à zona da Escola Superior Agrária).


“É uma vergonha o que se passa aqui”, refere Júlia Martins, outra das moradoras na rua. Com 86 anos e dificuldades em se deslocar, a reformada não compreende por que retiraram o contentor do lixo e agora o espaço para a sua colocação. E o pior, refere, é que essa rua é muito movimentada e perigosa. “O município devia ter alguma atenção acerca desta situação”, admite.


Esta não é a primeira vez que os 16 moradores da rua se queixam da situação. Há um mês atrás, quando retiraram o balde, Fernando Neves entregou uma carta na União de Freguesias de Santarém a questionar a razão da decisão e a reivindicar que fosse colocado urgentemente um contentor do lixo no espaço. Até à data não obteve qualquer resposta.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1360
    19-07-2018
    Capa Vale Tejo