Sociedade | 23-05-2018

Provedor da Misericórdia de Lisboa debate futuro da Rede Social em Vila Franca de Xira

Debate contou com a moderação de Maria da Luz Rosinha.

O provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa diz que o Estado Central deve reconhecer o papel fundamental das comunidades locais e instituições sociais, nas tomadas de decisão.

Edmundo Martinho foi o orador do Encontro de Núcleos Técnicos, que teve lugar na Escola Dom Martinho Vaz de Castelo Branco, na Póvoa de Santa Iria (Vila Franca de Xira), na quarta-feira, 23 de Maio. O encontro cujo tema central foi “A Rede Social, a sua génese, que caminho…” teve como moderadora do debate, Maria da Luz Rosinha, Deputada à Assembleia da República.

O provedor referiu que "há instituições que se deviam fundir ou extinguir, pois a boa vontade dos seus promotores, não chega” para a sua subsistência e “prestação qualificada dos serviços” à comunidade. Apontou ainda a participação e a partilha como processos fundamentais para o futuro da Rede Social.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1359
    11-07-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1359
    11-07-2018
    Capa Médio Tejo