Sociedade | 22-06-2018 08:52

Câmara de Coruche deslocaliza serviços durante obras nos paços do concelho

A empreitada de requalificação dos paços do concelho de Coruche, tem um valor estimado de 2,773 milhões de euros.

A Câmara de Coruche está a negociar as rendas com os proprietários de dois espaços no centro histórico da vila, para ali instalar alguns serviços municipais de atendimento ao público enquanto decorrem as obras de requalificação do edifício dos paços do concelho. A antiga agência da Caixa Geral de Depósitos e o espaço ao lado do museu municipal são alguns dos locais em negociação.

O presidente do município, Francisco Oliveira (PS), explicou na última reunião camarária que o arrendamento vai ser feito com alguma antecedência de forma a preparar os locais para acolher os serviços. “Não vamos fazer grandes obras nesses espaços. Vamos apenas dar as condições necessárias para o bom funcionamento dos serviços, arranjando a parte eléctrica e as acessibilidades”, revela o autarca.

A empreitada de requalificação dos paços do concelho de Coruche, com um valor estimado de 2,773 milhões de euros, contempla a remodelação e ampliação do edifício e a criação de acessibilidades para pessoas com mobilidade reduzida. Além disso, vão ser substituídos os isolamentos e ventilação em toda a ala do edifício e vai ser criado um piso suplementar para albergar alguns gabinetes e também uma parte mais técnica com todos os equipamentos informáticos e de valorização energética.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Edição Vale Tejo