Sociedade | 17-08-2018 13:21

“Ser campino não é vestir a farda em dias de festa”

“Ser campino não é vestir a farda em dias de festa”
António Marramaque é o campino homenageado nas festas de Samora Correia deste ano

António Marramaque, de 73 anos é o campino escolhido para ser homenageado na Festa de Samora Correia este sábado, 18 de Agosto.

Começou a guardar ovelhas com oito anos quando ainda frequentava a escola primária. Nasceu na Barrosa, concelho de Benavente, trabalhou no campo e fez-se campino, seguindo as pisadas do seu pai. Foram 57, os anos de trabalho em várias herdades, de um dos campinos mais antigos da Lezíria.

António Marramaque, mais conhecido por António ‘Guarda’, de 73 anos, é o campino escolhido para ser homenageado na Festa de Samora Correia no sábado, 18 de Agosto, pelas 16h30. Em 2008 foi-lhe prestada homenagem no Colete Encarnado, em Vila Franca de Xira.

O campino fardado a preceito esperava a reportagem de O MIRANTE à porta de sua casa. Junto ao quintal das traseiras apresentou o anexo onde orgulhosamente tem em exposição alguns objectos que lhe recordam a vida de campino, como o seu primeiro colete, pampilhos e a manta que o aconchegava no campo, que lhe fora oferecida pela sua mãe. É aí que gosta de receber a família e os amigos, e de onde avista a Lezíria através de uma pequena janela.

REPORTAGEM COMPLETA NA EDIÇÃO EM PAPEL JÁ NAS BANCAS

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo