Sociedade | 23-08-2018 10:03

Autor do Coração de Fátima desanca no actual presidente de Ourém

Autor do Coração de Fátima desanca no actual presidente de Ourém
O autor da estátua, Fernando Crespo no dia da inauguração

Fernando Crespo diz que Câmara de Ourém lhe fez uma proposta ofensiva sobre a peça e que Luís Albuquerque era uma coisa na oposição e que agora está a revelar-se outra na presidência.

O autor da escultura do Coração de Fátima, inaugurada aquando da visita do Papa Francisco em Maio de 2017 considera uma ofensa que a Câmara de Ourém proponha adquirir os direitos da obra por 60 mil euros. Fernando Crespo, em declarações a O MIRANTE, diz que o anterior presidente, o socialista Paulo Fonseca, não se portou bem, ao arranjar uma empresa que nunca financiou a peça, mas que o actual, o social-democrata Luís Albuquerque, que enquanto oposição até questionou a seriedade da empresa, não se está a portar melhor. O artista diz mesmo que entre os dois não há grande diferença e que Albuquerque “deve ser dos que acham que os artistas trabalham por um prato de sopa”.

O presidente do município, Luís Albuquerque (PSD/CDS), explicou a O MIRANTE.

NOTÍCIA COMPLETA NA EDIÇÃO EM PAPEL JÁ NAS BANCAS

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo