Sociedade | 23-08-2018 12:02

Homicídio em Vialonga foi o culminar de semanas de ameaças e violência

Dois primos esfaquearam-se à porta de casa na rua Miguel Torga em Vialonga e um acabou por morrer. Vizinhos já estavam à espera que um dia o pior fosse acontecer.

Os desacatos que na última semana acabaram na morte de um homem de 35 anos na rua Miguel Torga em Vialonga, concelho de Vila Franca de Xira, há muito que eram frequentes e não apanharam a vizinhança de surpresa, que há muito esperava por um desfecho dramático. Na noite de 13 de Agosto dois primos, de 32 e 35 anos, envolveram-se numa discussão que acabou com ambos esfaqueados e a caminho do hospital. Um deles, o mais velho, não resistiu aos ferimentos e chegou já cadáver à unidade de saúde. O presumível autor do homicídio vai aguardar julgamento em prisão preventiva.


As cenas de pancadaria entre ambos, diz fonte da GNR, eram frequentes e há registo de agressões mútuas no passado. Situação que vários vizinhos da família, escutados no local por O MIRANTE, confirmam. Os moradores temem falar do assunto com medo de represálias mas confirmam que os dois homens andavam desavindos e que era frequente as cenas de gritaria e pancadaria à porta de casa. Depois de mais uma discussão entre ambos dentro do apartamento onde viviam, o confronto culminou numa troca de agressões entre ambos à porta de casa, pelas 23h45, com ambos a empunhar uma faca e um x-acto, trocando golpes até caírem no chão.

NOTÍCIA DESENVOLVIDA NA EDIÇÃO EM PAPEL JÁ NAS BANCAS

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1369
    20-09-2018
    Edição Vale Tejo