Sociedade | 02-09-2018

Marinheiros voltaram às antigas escolas de Vila Franca de Xira

Espaço esteve ao abandono durante nove anos até ter sido comprado pela câmara municipal por oito milhões de euros.

Mais de um milhar de marinheiros de todo o país, que foram formados nas antigas escolas da Armada de Vila Franca de Xira, juntaram-se na manhã de sábado, 1 de Setembro, para visitar o espaço e recordar memórias daquela unidade militar.
O evento "Reviver escolas" permitiu aos participantes uma rara oportunidade de espreitar as antigas escolas da Marinha de Vila Franca de Xira, por onde muitos passaram para aprender uma profissão ou preparar-se para a guerra do ultramar.
Foi a última vez que o espaço esteve aberto ao público antes de vir a ser completamente transformado pelo projecto de requalificação urbanística que o município tem em curso para o local.
O grupo nº1 de escolas da Armada teve a sua origem na escola de mecânicos, criada por decreto a 10 de Maio de 1934. Foi responsável pela formação de grande parte do pessoal técnico da Armada, incluindo fogueiros, serralheiros, artífices, condutores de máquinas, torpedeiros, electricistas e até radiotelegrafistas.
Depois de 75 anos ao serviço as escolas fecharam portas em 2009 e os serviços transferidos para a Base do Alfeite, na margem sul. O espaço esteve ao abandono durante nove anos até ter sido comprado, no final do ano passado, pela câmara municipal, por oito milhões de euros.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo