Sociedade | 03-10-2018 18:39

Andam a lançar boatos para causar insegurança em Santarém

Uma foto de uma carrinha com a matrícula 17-06-QO que anda a correr na internet só tem por objectivo assustar a população e causar um sentimento de insegurança.

Uma foto de uma carrinha com a matrícula 17-06-QO que anda a correr na internet como sendo de um grupo de marroquinos que perseguiram uma jovem em Santarém, só tem por objectivo assustar a população e causar um sentimento de insegurança. A Polícia de Segurança Pública garante que não há nenhum caso do género. O facto de ter sido indicada a matrícula pode pôr em perigo o dono da viatura, que nada tem a ver com qualquer caso destes.

Uma das mensagens foi colocada no twitter por uma Joana a dizer que anda aí uma carrinha cinzenta “cheia de marroquinos desde hoje à noite”. O post acrescenta: “perseguiram-me a mim e a uma amiga. São por volta de 9 homens!”. A informação falsa foi publicada no dia 29 de Setembro à 1h10 e depressa se espalhou em grupos do Facebook.

O comando distrital da PSP realça que não têm sido registados crimes do género e esta não é a primeira vez que surgem boatos do género. Ainda recentemente se espalhou a informação que andavam a tentar violar raparigas em Almeirim, o que a GNR também veio desmentir.

Em 2013 a PSP teve também de vir a público desmentir notícias de que dois homens e uma mulher numa carrinha andavam a raptar crianças nas zonas de Torres Novas e Entroncamento. A informação tem circulado nas redes sociais na internet e até vai ao pormenor de dizer que se trata de uma carrinha branca e que o objectivo dos raptores era retirarem os órgãos às crianças.

Estes boatos podem vir a dar situações complicadas e quem os difunde pode vir a ser responsabilizado criminalmente.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo