Sociedade | 06-12-2018 18:00

Azambuja cancela publicidade no Cartaxo a pedido do município vizinho

Azambuja cancela publicidade no Cartaxo a pedido do município vizinho

Apelo às compras natalícias em Azambuja foi mal recebida no Cartaxo.

O presidente da Câmara Municipal do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro, solicitou ao município de Azambuja a retirada de um cartaz publicitário colocado numa rotunda do Cartaxo que apelava às compras no comércio local de Azambuja. O autarca de Azambuja acatou o pedido tendo ainda cancelado a distribuição de panfletos naquele concelho.

Numa rotunda junto à entrada sul do Cartaxo foi afixado um painel publicitário alusivo ao evento “Natal aqui!”, organizado pela Câmara de Azambuja, que apelava à compra no comércio local desse concelho. Depois de ser pressionado por comerciantes cartaxenses, o presidente da Câmara do Cartaxo, Pedro Magalhães Ribeiro (PS), pediu ao seu homólogo de Azambuja, Luís de Sousa (PS), que mandasse retirar a publicidade afixada, o que foi feito.

Pedro Ribeiro publicou mesmo no seu Facebook um esclarecimento sobre o assunto, dizendo que se tratava de um “equívoco” por parte do município vizinho. “Após contacto com o presidente da Câmara de Azambuja tomei conhecimento que já ordenou a sua retirada”, acrescentou. A situação passou-se no início da semana passada.

À margem da última reunião de Câmara de Azambuja, Luís de Sousa foi confrontado com a situação pelo vereador do PSD, Rui Corça. O presidente da câmara afirmou que “simpaticamente” atendeu ao pedido do camarada socialista Pedro Ribeiro, mas negou que aquela publicidade ali tivesse sido colocada por engano, como se inferia da mensagem colocada por Pedro Ribeiro no Facebook. Segundo Luís de Sousa, é prática corrente da autarquia fazer publicidade aos eventos promovidos pela Câmara de Azambuja, em outdoors e distribuir panfletos via CTT, noutros concelhos.

Para além da retirada do cartaz, a Câmara de Azambuja procedeu ao cancelamento da distribuição, por correio, no concelho do Cartaxo, de panfletos alusivos ao mesmo evento. António Matos (PS), vereador da Câmara de Azambuja, afirmou que ainda foram distribuídas cerca de duas centenas de panfletos, mas que após terem recebido o pedido do presidente do Cartaxo cancelaram de imediato essa medida.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1380
    05-12-2018
    Capa Médio Tejo