Sociedade | 14-12-2018 15:00

Obras sem licença no aeródromo de Santarém

Litígio entre Câmara e Pára Clube de Santarém sobe de tom

O presidente da Câmara de Santarém, Ricardo Gonçalves (PSD), afirmou na última reunião do executivo municipal que algumas construções feitas pelo Pára Clube de Santarém no aeródromo da cidade foram realizadas à revelia da autarquia, em zonas de Reserva Ecológica Nacional (REN) e em leito de cheia. Pelo que não terão grande valor patrimonial no caso de a autarquia ter de ressarcir a associação pelos investimentos realizados naquele terreno, propriedade do município.

O autarca respondia, na reunião de câmara de 10 de Dezembro, ao vereador João Catela (PS), que o questionara sobre o litígio que envolve o Pára Clube e o município, noticiado por O MIRANTE na edição de 29 de Novembro último.

Notícia completa na edição de O MIRANTE já nas bancas

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº1391
    20-02-2019
    Capa Médio Tejo
    Edição nº1391
    20-02-2019
    Capa Vale Tejo