Sociedade | 19-12-2018 07:00

Imbróglio jurídico atrasou requalificação do eixo Povos e Quinta da Grinja

Imbróglio jurídico atrasou requalificação do eixo Povos e Quinta da Grinja
OBRAS

Obras arrancaram na última semana com um orçamento de 2 milhões e 348 mil euros.

Depois de vários meses em tribunal arrancaram na última semana em Vila Franca de Xira as obras de requalificação do espaço público no eixo que liga a Quinta da Grinja a Povos, orçadas em dois milhões e 348 mil euros, com comparticipação de fundos comunitários.

O arranque das obras estava programado para Outubro mas sofreu um atraso ao qual o município foi alheio, depois de um dos concorrentes ao concurso para fazer a obra ter interposto uma acção administrativa de contencioso pré-contratual, que foi rejeitada pelo júri na fase de avaliação das propostas.

Entretanto já foi publicada a sentença final do caso pelo Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa, que determinou a improcedência de todos os argumentos invocados por aquele concorrente, saindo a Câmara de Vila Franca de Xira como parte ganhadora do caso.

Notícia completa na edição de O MIRANTE já nas bancas

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº1391
    20-02-2019
    Capa Médio Tejo
    Edição nº1391
    20-02-2019
    Capa Vale Tejo