Sociedade | 09-01-2019 15:00

Novos órgãos sociais da CNIS tomam posse em Fátima

Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade conta vários dirigentes da região.

Os novos órgãos sociais da Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade (CNIS) tomam posse este sábado, 12 de Janeiro, para o quadriénio 2019-2022. A sessão solene decorre durante o VII Congresso da CNIS.

A sufrágio apresentou-se uma única lista, composta por 17 elementos representativos de várias instituições de todo o país, da qual fazem parte alguns elementos da região. José Carlos Batalha, do Centro Social Paroquial de Azambuja, mas em representação da União Distrital das Instituições Particulares de Solidariedade Social de Lisboa, é o presidente da mesa da assembleia geral.

Também na mesa da assembleia geral estão o presidente da APAC - Associação Popular de Apoio à Criança da Póvoa de Santa Iria, José Casaleiro, e o presidente da União Distrital das Instituições de Solidariedade de Santarém, Eduardo Mourinha.

Como secretário da direcção toma posse José Custódio Leirião, do Centro Social Paroquial de Azambuja.

A CNIS, assume-se como o rosto de representação de respostas de apoio à comunidade, famílias, crianças e jovens, idosos e deficientes, e é a principal organização representativa das instituições particulares de solidariedade social, congregando federações e uniões, distritais e regionais.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1407
    13-06-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1407
    13-06-2019
    Capa Médio Tejo