Sociedade | 24-04-2019 18:27

Assassinado dentro de carro em assalto em Angola

Assassinado dentro de carro em assalto em Angola
Foto D.R.

Pedro Gonçalves, natural de Montalvo, concelho de Constância, apareceu morto dentro da viatura em Luanda.

Pedro Gonçalves, 41 anos, natural de Montalvo, concelho de Constância, foi assassinado na noite de terça-feira, 23 de Abril, em Luanda, Angola.

O ribatejano, que trabalhava na empresa Rojual – Gestão de Projectos, apareceu morto dentro da viatura num arruamento em Belas, Luanda Sul. Segundo o que O MIRANTE conseguiu apurar, Pedro Gonçalves foi baleado com dois tiros na sequência de um assalto feito, alegadamente, por duas pessoas que seguiam numa moto.

O director financeiro da empresa Rojual – Gestão de Projectos, Rui Vareta Machado, mostra-se chocado com a situação e afirma desconhecer mais pormenores, uma vez que está a aguardar por um relatório da Polícia Nacional (PN) angolana, que já está a investigar o incidente. Só depois, prosseguiu, é que se tratará dos procedimentos para trasladar o corpo para Portugal, onde será sepultado.

Pedro Gonçalves é o quarto cidadão português assassinado desde Fevereiro deste ano e o terceiro durante o mês de Abril.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1404
    23-05-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1404
    23-05-2019
    Capa Médio Tejo