Sociedade | 14-05-2019 13:39

Atropelamentos ferroviários fazem duas vítimas mortais no concelho de Vila Franca de Xira

Atropelamentos ferroviários fazem duas vítimas mortais no concelho de Vila Franca de Xira
foto ilustrativa

Em dois dias, duas pessoas perderam a vida colhidas por comboios em Alhandra e na Póvoa de Santa Iria.

Uma mulher de 67 anos morreu atropelada por um comboio, na segunda-feira, 13 de Maio, entre a estação ferroviária de Alhandra e o Sobralinho, quando atravessava a via a poucos metros da passagem de nível mais próxima, vigiada por guarda, 24 horas por dia.

O alerta para o acidente foi dado às 13h17, tendo a circulação ferroviária estado interrompida em ambos os sentidos, durante hora e meia.

Ao que O MIRANTE apurou, a vítima, residente no Forte da Casa regressava da pesca juntamente com o marido. Ambos tentavam atravessar a linha no sentido sul-norte e não se terão apercebido da aproximação do comboio. O homem conseguiu escapar ao atropelamento sem qualquer ferimento.

A vítima foi arrastada durante alguns metros pelo comboio. O óbito foi declarado no local pelo médico do INEM. Também estiveram presentes os Bombeiros de Alhandra e PSP.

No domingo, 12 de Maio outra pessoa perdeu a vida trucidada por um comboio na estação da Póvoa de Santa Iria. O acidente deu-se pelas 11h20 e as causas estão ainda por apurar. O sexo e idade da vítima ainda não foram revelados.

Para o local foram mobilizados os Bombeiros da Póvoa de Santa Iria, INEM e PSP. As linhas 3 e 4 estiveram interrompidas durante duas horas, enquanto decorreram os trabalhos de remoção do cadáver e limpeza das vias.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1404
    23-05-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1404
    23-05-2019
    Capa Médio Tejo