A Palavra dos Leitores | 17-08-2016 12:17

Bombeiros não são tão desgraçados como parece

Mas ser bombeiro não isto mesmo? Ajudar a população e apagar fogos até à exaustação? O apoio da população pode ser um dever mas nunca uma obrigação.

É verdade que esse dinheiro são por 24 horas de serviço mas a alimentação é do bolso dos bombeiros, que ganham dinheiro extra e podem perder a vida num incêndio. Vamos dar apoio aos bombeiros é para se tornarem profissionais.

Arminda Nunes

Cada realidade é uma. Nós por cá pagamos nos serviços que fala durante o ano o mesmo que nos DECIF. Pagamos também o almoço a quem está de serviço. Não há nada que o comando queira que mais tarde ou mais cedo não apareça. Fazemos iniciativas mensais para arranjar dinheiro para algo que é mais importante que isto tudo a segurança dos operacionais.

Pedro Miguel Ribeiro

Nem todos os quartéis são assim infelizmente. Mas se não for o tempo dos DEFIC para se ganhar mais algum então não vale a pena ser-se bombeiro voluntário. Nesta altura não existe tempo para família, amigos nem existe férias.

Arminda Nunes

Pois esqueceram-se se de dizer que a 45 euros por dia ficam fechados no quartel 24 horas sobre 24 horas. E sem falar na família que fica sem notícias deles quando estão a por a vida deles em jogo.

Sérgio Valador

Em muitas profissões, as pessoas ficam dias sem vir a casa. Tendo também as suas vidas em risco, por exemplo: motorista de internacional, maquinista de mercadorias, GNR, PSP, militares. Os três últimos por vezes são destacados em serviço, ou em formação ou em exercício, e nem sempre moram ao virar da esquina. Tenho dois vizinhos bombeiros e felizmente têm vindo a casa todos os dias.

Susana Calapez

Mas ser bombeiro não isto mesmo? Ajudar a população e apagar fogos até à exaustação? O apoio da população pode ser um dever mas nunca uma obrigação.

José António

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1412
    18-07-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1412
    18-07-2019
    Capa Médio Tejo