O MIRANTE TV | 03-11-2019

Cimpor garante que está preocupada com população de Alhandra

A Cimpor tem um novo dono há menos de um ano que revela estar preocupado com os impactos na população de Alhandra por a cimenteira estar inserida no meio urbano.

A Cimpor tem um novo dono há menos de um ano que revela estar preocupado com os impactos na população de Alhandra por a cimenteira estar inserida no meio urbano. A empresa não esconde que já houve problemas de poluição, mas quer melhorar as condições e ter uma boa convivência com a comunidade.

A co-incineração tem levantado algumas dúvidas entre a população. A Cimpor confirma que está a processar lixos que aproveita como fonte energética, mas garante que a operação é segura.

Com um plano para melhorar as condições ambientais, a cimenteira está também a investir na renovação dos recursos humanos, embora existam algumas preocupações com a falta de mão-de-obra no mercado.

A Cimpor pertence ao grupo turco Oyak, que comprou a empresa aos anteriores accionistas brasileiros. Tem apostado na exportação e está a trabalhar para reforçar a marca a nível internacional, depois de um período de crise em que a procura de cimento caiu para menos de metade.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1427
    31-10-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1427
    31-10-2019
    Capa Médio Tejo