O MIRANTE TV | 19-02-2021

Carnes Nobre tem mostrado grande capacidade de adaptação às novas tendências

Galardão Empresa do Ano - Carnes Nobre

A Nobre alargou o seu leque de produtos e está atenta às novas tendências e ao interesse dos consumidores por uma dieta mais flexível, variada e equilibrada, oferecendo, a par dos seus produtos tradicionais, especialidades vegetarianas.

A Carnes Nobre é um nome sonante do mundo empresarial da região e do país. Começou, em 1957, como um pequeno negócio familiar em Rio Maior e é hoje uma marca líder de mercado e referência em Portugal e além-fronteiras.

Fundada pela família Nobre, que lhe deu o nome, a empresa foi mudando de donos ao longo dos anos, pertencendo actualmente ao grupo multinacional Sigma, preservando a sua liderança no mercado com uma facturação estável em torno dos 110 milhões de euros.

As exportações representam mais de 15 por cento do volume de facturação, sendo os chamados ‘mercados da saudade’ - países onde há maior presença de emigração portuguesa - os principais destinos de salsichas e enchidos enlatados, entre diversos outros artigos produzidos em Rio Maior.

A fábrica de Rio Maior é a segunda maior entre as trinta que o grupo Sigma tem na Europa. A empresa é a maior empregadora do concelho e é a partir dali que pretende continuar a crescer. Actualmente, a Nobre conta com cerca de 740 colaboradores entre a unidade fabril, o centro de logística e a área administrativa.

A Nobre está atenta às novas tendências e ao interesse dos consumidores por uma dieta mais flexível, variada e equilibrada, tendo alargado a gama Nobre Vegalia que disponibiliza soluções adaptáveis às várias refeições do dia. As mais recentes especialidades vegetarianas em lata respondem também à procura por alternativas práticas e saborosas para o dia-a-dia.

A ambição da empresa em fazer parte da mesa dos portuguesas levou a Nobre a alargar o seu leque de produtos, como é o caso dos queijos, embora as salsichas ou o fiambre continuem a ser estrelas da companhia entre a gama de produtos que tem no mercado.

A directora executiva financeira da Carnes Nobre, Adélia Madaleno, refere que o posicionamento da empresa no mercado é de permanente investimento nas infraestruturas, recursos humanos e no produto que disponibilizam aos consumidores. Uma estratégia que tem dado bons resultados e que é para manter, no sentido de continuar a garantir os melhores produtos aos consumidores nacionais.

Em 2020, a pandemia de Covid-19 virou o mundo do avesso e muita coisa mudou neste último ano a todos os níveis. O mercado sofreu alterações e a Nobre ajustou a sua produção a novas realidades, nomeadamente a relacionada com a transferência de consumo de fora para dentro de casa e a de procura de produtos com validades mais longas.

A garantia deixada pela Nobre é que vai continuar a trabalhar para garantir de forma responsável a disponibilização dos seus produtos às comunidades, aos seus consumidores, assegurando que nada lhes falte nesta fase atípica.

A Garval patrocina o prémio Empresa do Ano

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1496
    10-02-2021
    Capa Médio Tejo
    Edição nº 1496
    10-02-2021
    Capa Vale Tejo