uma parceria com o Jornal Expresso

Edição Diária >

Edição Semanal >

Assine O Mirante e receba o jornal em casa
31 anos do jornal o Mirante
Cuidados a ter com o pêlo do seu animal
Susana Correia, tutora da Kika na Torres Pet em Torres Novas

Cuidados a ter com o pêlo do seu animal

Edição de 14.03.2019 | Economia

Com o início da Primavera e o aumento da temperatura começam as tosquias. As boas práticas de higiene e escovagem devem começar em casa desde pequenos e assim no futuro contribuirão para a saúde e bem-estar do animal, permitindo observar eventuais lesões e detectar a presença de parasitas externos.
Independentemente da raça e do tipo de pêlo, todos os animais podem e devem ser escovados regularmente de forma a remover pêlo morto e evitar a formação de nós.
O cuidado diário não só mantém o animal limpo e saudável como fortalece a relação deste com o dono, facilitando a sua manipulação, não só em casa mas preparando-o para uma posterior tosquia ou um simples banho em ambiente estranho.
Hoje em dia este tipo de cuidados deixou de ser encarado como um luxo, revelando-se indispensável no que respeita à higiene, bem-estar e ao crescimento de um pêlo saudável evitando futuros problemas de pele.
Por norma a tosquia inclui não só o corte do pêlo, como o banho com um champô apropriado e específico, seguido de uma boa secagem e do corte de unhas para evitar futuras lesões.
Na grande maioria dos casos quando em casa não é efectuada a escovagem do pêlo torna-se fundamental a realização de tosquia para devolver o bem-estar ao animal, já que a existência de nós não permite que a pele respire podendo provocar alterações cutâneas. Além disso, nestas condições só se consegue resolver o problema com uma tosquia radical que muitas vezes obriga a um corte mais curto do pêlo.
Os maiores problemas associados às tosquias são o estado em que se encontra o pêlo (sujidade e nós) e a incapacidade de manipular o animal, o que na maioria das vezes torna necessária a sedação para que se possa proceder à tosquia sem causar danos ao animal nem ao profissional que a executa.
O profissional que realiza a tosquia está sempre condicionado pelo estado em que o pêlo do animal se encontra, e por vezes pode ter de cortar mais do que aquilo que o dono estaria à espera. Assim, é aconselhável que os donos tenham atenção ao estado do pêlo e procurem o serviço de tosquia antes de a situação se agravar.
Não restam dúvidas da importância da tosquia. Esta não só ajuda a enfrentar as alterações do clima mas também previne a existência de nós, e ajuda na higiene e saúde do animal.
Deve ter-se sempre em mente que os cuidados a ter com o pêlo do animal devem ser realizadas durante todo o ano e não só no Verão (para manter os animais frescos), ou por questões de estética.

Cuidados a ter com o pêlo do seu animal

Mais Notícias

    A carregar...

    Capas

    Assine O MIRANTE e receba o Jornal em casa
    Clique para fazer o pedido

    Destaques