Sociedade | 16-03-2019 15:00

Unidades móveis de saúde de Rio Maior com frota renovada

Unidades móveis de saúde de Rio Maior com frota renovada
foto DR

Município ofereceu dois veículos para substituir os que estavam ao serviço há uma década.

A Câmara de Rio Maior ofereceu duas novas viaturas ao Centro de Saúde da cidade para substituir as unidades móveis de saúde que estavam ao serviço dos utentes há já dez anos. A cedência dos veículos foi formalizada na tarde de dia 13 de Março, num protocolo assinado com a Administração Regional de Saúde (ARS) de Lisboa e Vale do Tejo.

Segundo a presidente do município, Isaura Morais (PSD), estes dois veículos ligeiros representaram um investimento do município de cerca de 36 mil euros e vêm aliviar o “encargo muito elevado” que representavam as anteriores unidades móveis, que exigiam condutor com carta de pesados e que, dado o número de quilómetros acumulados, necessitavam de manutenção praticamente todos os meses.

Só no ano passado, as unidades móveis de saúde permitiram a realização de 6.493 visitas, 6.238 das quais com intervenção de enfermeiros, 121 com assistente social, 89 com terapeuta ocupacional, 35 com psicólogo e 10 com médico de família, de acordo com os dados da Unidade de Cuidados na Comunidade (UCC). As novas viaturas ligeiras, vão servir para transportar as equipas, materiais de diagnóstico e consumíveis, permitindo a prestação de cuidados, sobretudo de enfermagem.

A autarca destacou ainda o grande conforto que representa para o utente poder ser assistido em casa, a poupança de evitar deslocações e o contributo deste serviço para reduzir a pressão sobre o centro de saúde.

O município, além da aquisição das viaturas, assume os custos com o seguro. Um dos veículos está destinado a cobrir as freguesias do norte do concelho (Alcobertas, Asseiceira, São Sebastião, Fráguas e Rio Maior) e a outra as freguesias do sul (Arrouquelas, Azambujeira, Malaqueijo, Marmeleira, Assentiz, São João da Ribeira e Ribeira de São João, Outeiro da Cortiçada e Arruda de Pisões), num total de 7200 utentes.

Os veículos antigos irão ser entregues a instituições do concelho, um deles para transformação de forma a poder funcionar como posto de comando dos Bombeiros Voluntários de Rio Maior.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1419
    05-09-2019
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1419
    05-09-2019
    Capa Médio Tejo