A Palavra dos Leitores | 05-12-2011 01:13

Carrinha-quiosque tem mais 30 dias para sair da zona envolvente ao Convento de Cristo em Tomar

O senhor Luís Ferreira, vereador do PS na Câmara Municipal de Tomar, continua a mostrar que não serve para desempenhar um cargo político uma vez que não tem suficiente discernimento e é propenso a pôr a politiquice a partidarite à frente da justiça e equidade. Este caso da carrinha de venda de bebidas é exemplar. Quando a mesma foi para aquele local a câmara abriu algum concurso público ou limitou-se a passar uma licença de ocupação temporária da via pública? É importante falar-se da origem das coisas para se perceber o presente e se encontrarem as melhores soluções para o futuro. Com as obras de requalificação foi revogada a licença de ocupação do espaço público, como é natural. Agora quer o senhor Ferreira que aquele comerciante seja beneficiado em relação a outros concorrentes interessados na exploração do quiosque que está a ser construído, com base em pretensos direitos adquiridos. Meu caro senhor, isso é favorecimento. O facto de alguém ter beneficiado anos e anos de uma licença para ocupar o espaço público com uma carrinha de venda ambulante, não deve dar vantagem para um concurso destinado a algo diferente. Isso seria injusto e é por isso que o senhor não está talhado para um cargo público onde deve imperar a justiça e equidade e não o benefício de uns em relação a outros. Demita-se!! Francisco Calçada http://www.omirante.pt/index.asp?idEdicao=54&idSeccao=479&id=48668&Action=noticia&title=Comentários

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo