A Palavra dos Leitores | 13-04-2016 10:02

Sindicatos responsabilizados pelo encerramento da Opel em Azambuja

Assumo com orgulho o meu efémero passado como metalúrgico, entre Setembro de 1977 e Março de 1979, quando fiz parte das equipas do Controlo de Qualidade da General Motor's de Portugal. O então Administrador (Mr. Bill dos EUA) permitia-nos retomar os estudos antecipando 50% das propinas, completando os restantes após demonstração de aproveitamento e assim sucessivamente. Outras regalias prendiam-se com incentivos à assiduidade e pontualidade e à existência de um Plano de Projecto de Carreiras para os que tinham avaliações mais positivas. Foi uma vida dura, no turno da noite e com aulas de dia, mas que recordo com muita saudade. Quando o Administrador passou a ser um cidadão do Reino Unido perdemos essas regalias e foi quando decidi sair!... A experiência do autor da Obra "Conflitos Sociais" (ex-supervisor Armando Martins) é um importante contributo para a História dessa multinacional no nosso País. Parabéns pela coragem! Vítor Alberto Henriques Neves dos Santos : http://semanal.omirante.pt/index.asp?idEdicao=750&idSeccao=13717&id=116083&Action=noticia&title=Coment%C3%A1rios#.Vwp-5KQrLIU

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1377
    15-11-2018
    Capa Médio Tejo