Arquivo | 27-05-2009 17:50

Convento de São Francisco aproveita embalagem do 10 de Junho e reabre ao público

Convento de São Francisco aproveita embalagem do 10 de Junho e reabre ao público

As comemorações oficiais do Dia de Portugal vão causar vários condicionamentos no trânsito citadino já a partir de 3 de Junho e durante uma semana.

O Convento de São Francisco, em Santarém, vai ficar aberto ao público após as comemorações oficiais do 10 de Junho. O monumento nacional, encerrado há muitos anos, está a ser alvo de melhoramentos para acolher o jantar oficial oferecido pelo Presidente da República na noite de 9 de Junho. O município aproveitou a intervenção ali em curso e decidiu manter aberto o espaço - situado junto ao antigo quartel da Escola Prática de Cavalaria e ao Jardim da República - onde foram colocados alguns adereços e iluminação. A informação foi dada pelo presidente da Câmara de Santarém, Francisco Moita Flores (PSD), durante uma conferência de imprensa onde deu conta dos preparativos para as comemorações, que vão ter como palcos principais o Campo Infante da Câmara e o Largo Infante Santo/Largodo Município/Jardim da República. A Câmara de Santarém pediu a alguns proprietários de imóveis situados nessas zonas para embelezarem as fachadas, sobretudo na zona próxima da Praça do Município. Moita Flores elogia a resposta da maior parte das pessoas contactadas, mas reconheceu que houve algumas que se recusaram a responder afirmativamente ao repto. “Alguns jamais aceitarão qualquer coisa que seja para embelezar Santarém. Tivemos algumas respostas altamente negativas”, afirmou o autarca.Refira-se que a autarquia apoiou algumas das intervenções de particulares e também a da pintura da Igreja da Piedade. Obras feitas no âmbito das comemorações do 10 de Junho e que acabam por ficar como um contributo para uma cidade mais bonita, como referiu Moita Flores. Moita Flores realçou ainda o envolvimento da maior parte dos agrupamentos de escolas do concelho, com a participação garantida de milhares de alunos nas várias actividades complementares proporcionadas no âmbito das comemorações. Na zona do Jardim da República vão estar em exposição vários equipamentos militares, como um avião F16, uma lancha da Marinha ou um helicóptero Puma. À disposição vai estar também um poço de mergulho onde as crianças poderão fazer mergulho assistido com homens-rãs.Condicionamentos no trânsitoAs comemorações vão causar alguns condicionamentos no tráfego citadino. A partir de 3 de Junho o Largo do Município e o Largo Infante Santo vão estar cortados ao trânsito. O estacionamento, em princípio, poderá ser feito numa das paradas do antigo quartel da Cavalaria, com acesso pela Rua Zeferino Brandão via Calçada do Monte. A partir de 6 de Junho será vedado o acesso ao Largo da Piedade. E nos dias seguintes vários arruamentos ficarão impedidos à circulação automóvel nas imediações do Campo Infante da Câmara. Serão ainda disponibilizados parques de estacionamento alternativos, já que são esperados milhares de visitantes. A autarquia vai distribuir informação atempada à população.Festa popular junto à Monumental Celestino GraçaCarlos do Carmo vai actuar na noite de 9 de Junho num palco montado junto à Praça de Touros Celestino Graça. O espectáculo vai contar ainda com actuações das bandas dos três ramos das Forças Armadas. O programa vai ser mais modesto do que nos dois anos anteriores, quando ali decorreram festas que rivalizaram em atracções musicais com o cartaz da Feira Nacional de Agricultura.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo