Arquivo | 17-01-2013 05:31

Parlamento dos Açores gasta sete milhões de euros por ano em remunerações e reformas

O Parlamento dos Açores gasta anualmente cerca de sete milhões de euros em remunerações dos deputados e funcionários e em reformas para a Segurança Social e para a Caixa Geral de Aposentações.Os números estão publicados na conta de gerência da Assembleia Legislativa dos Açores, relativa ao ano de 2011, hoje aprovada por unanimidade no Parlamento açoriano, e que adianta que o órgão máximo da autonomia regional registou, num ano, cerca de 11,5 milhões de euros de despesas.Desse montante, 2,1 milhões destinaram-se a pagar o vencimento dos 57 deputados açorianos, cerca de 1 milhão foram gastos com as remunerações dos funcionários, 650 mil euros nos subsídios de férias e de Natal e cerca de 500 mil euros em despesas de representação.A Assembleia Legislativa dos Açores registou ainda, no mesmo período, gastos na ordem dos 200 mil euros em ajudas de custo, 160 mil euros em abonos e 114 mil em subsídios de refeição.As reformas dos deputados e dos antigos funcionários do Parlamento somaram, por outro lado, mais de 2,2 milhões de euros de despesa, dos quais 1,4 milhões referiam-se a contribuições pagas à Caixa Geral de Aposentações, e outros 800 mil euros à Segurança Social.O funcionamento da sede da Assembleia Legislativa dos Açores e das delegações existentes em todas as ilhas do arquipélago, teve um custo que excedeu os 2,4 milhões de euros.Em 2011, o Parlamento gastou 870 mil euros no apoio à actividade parlamentar, 690 mil em deslocações e estadas, 420 mil em comunicações, 170 mil euros em material de escritório, 165 mil em trabalhos especializados (mas não especificados), e 140 mil em encargos com instalações.Nenhum dos seis partidos com assento parlamentar (PS, PSD, CDS, BE, PCP e PPM), intervieram, no entanto, durante a votação da Conta da Assembleia de 2011.

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1372
    10-10-2018
    Capa Médio Tejo