Arquivo | 04-11-2013 08:28

Paulo Portas diz que relação de Portugal com Angola é insubstituível

O vice-primeiro-ministro Paulo Portas disse hoje em Macau que “a relação com Angola é insubstituível”, no mesmo dia em que a embaixada angolana em Lisboa foi vandalizada por um grupo de desconhecidos."Estamos absolutamente juntos na relação com a China porque Portugal como Angola, como todos os outros países lusófonos, faz parte do bloco de países que falam português, como eu costumo dizer com vários acentos, e a relação com Angola é insubstituível", afirmou o vice-primeiro-ministro.A declaração de Paulo Portas foi proferida à margem do Fórum Macau, no mesmo dia em que foi noticiado o ato de vandalismo à embaixada de Angola em Portugal por “elementos desconhecidos”, que provocaram alguns danos materiais, confirmou à agência Lusa o assessor de imprensa da representação diplomática angolana.O Governo português condenou hoje "os desacatos cometidos" esta manhã contra a embaixada.De acordo com um comunicado do Ministério dos Negócios Estrangeiros, foi contactado "o embaixador de Angola em Lisboa e foram tomadas pelas autoridades policiais as medidas necessárias para apurar responsabilidades e reforçar a protecção e a segurança da missão diplomática angolana".

Mais Notícias

    A carregar...

    Edição Semanal

    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Vale Tejo
    Edição nº 1373
    17-10-2018
    Capa Médio Tejo